Translate

setembro 18, 2015

Eu, o menino e o cachorro


E eu só reclamava da vida...

Reclamava da noite porque eu não dormia,
reclamava do dia porque eu sofria,
reclamava do frio que me gelava a alma,
reclamava do calor que me atirava ao desânimo.

Para tudo e para todos eu tinha uma resposta,
para a minha derrota eu sempre tinha um culpado,
para o meu desamor sempre tinha um "alguém",
para tudo uma reclamação.
Eu era o próprio azedume.

Ai de quem me criticasse,
que apontasse o erro que eu não enxergava.
Para tudo tinha que haver um culpado,
eu era a vítima do sistema, das pessoas, do mundo,
eu sempre fui traído, enganado, sofrido...

Carregava aquela cruz pesada de ódio,
e eu só reclamava da vida,
seja de noite, seja de dia.


Até quem dia, um menino, desses meninos de rua,
me pediu uma ajuda, e eu já estava pronto para ofendê-lo,
quando ele pegou na minha mão e arrastou-me,
se é que um menino tão pequeno teria essa força.


No canto da rua ele me mostrou um cachorro muito sujo,
que estava com a pata como que quebrada e cheio de feridas.

O menino puxou a minha mão e fez chegar perto do cachorro.
Ele olhava pra mim e depois para o cachorro,
e falou numa voz que eu não consigo esquecer:

- Moço, sara ele pra mim! É o meu melhor amigo.


Não sei porque e nem quero saber,
mas eu não aguentei e chorei...

Chorei como criança, como quem abre uma torneira,
como se uma porta que estava fechada há muito tempo dentro de mim,
se abrisse escancaradamente.

O menino não entendeu o meu choro e perguntou:
- Ele vai morrer moço? É grave assim?

Despertei do meu choro e agarrei aquele cachorro com muito cuidado.
Levei-o até a minha casa, poucos quarteirões dali.

Tratei daquele cachorro como se fosse um filho
e o menino, que vivia pelas ruas,
foi ficando e cuidou de mim.
Curou minhas feridas, antes mesmo de eu curar as feridas do cachorro.

Hoje, não reclamo mais de nada,
tudo para mim tem um sentido,
tudo é perfeito, até o que dá errado.


Faz 16 anos que o menino de rua pegou na minha mão,
mudou a minha vida, transformou esse ser.

Mostrou-me o caminho do amor.
Amor que restaura, cura, seca feridas, renova, traz esperança.

E esperança é o nome do amor.

E esse menino, que hoje me chama de pai,
destranca portas e janelas da minha alma todos os dias,
quando segura na minha mão e me agradece por cada coisa tão pequena.

Os banhos, as roupas, a comida, a escola, a adoção,
coisas que muita gente tem e não dá nenhum valor.
Ele me recompensa com carinho e dedicação.


Hoje é a sua formatura, e eu nem sei o que dizer...
Sou grato a Deus por ele entrar na minha vida,
por quebrantar meu coração e não largar mais a minha mão.


Hoje eu bendigo a vida.

Valorize a sua vida,
preencha-a com o amor.

Eu acredito em você!

Paulo Roberto Gaefke




Olá perambulantes!

Esta mensagem me foi enviada por e-mail em 23/01/2013, por um amigo muito querido e a guardei pelo que significou pra mim.
Ainda hoje, quando a leio, me emociono.

Não sei quem é ou foi Paulo Roberto Gaefke e não encontrei referências a este texto na internet, mas é algo que merece ser compartilhado.

Que você consiga ver, sentir e espalhar amor por onde passar!




Esta e outras Poções de Amor estão no aposento Essências,
corredor à direita desta caverna.



39 comentários:

Pepi,Xixo,Juja,Jujuba disse...

Me emocionei, Bruxinha querida
Muito lindo o texto.
Que bela lição, hein?
Te desejo um feliz fim de semana.
Beijinhos mil de
Verena e Bichinhos.

Estela Vidal Ribeiro disse...

Realmente emocionante! Lindo texto! Linda sexta!!
Beijo!

Fatinha disse...

Que história linda demais!! demonstra que realmente nada acontece por acaso.

bjs

Bell disse...

Que lindo, me emocionei .

bjokas =)

Andréia Pereira disse...

Lindo texto! Me emocionei!

Elvira Carvalho disse...

É realmente um texto muito belo que me emocionou. O nome eu conheço. Já li montes de mensagens dele e todas elas muito bonitas.
Um abraço e bom fim de semana
http://6feira.blogspot.pt/

✿ chica disse...

Simplesmente maravilhosa e emocionante!Adorei! bjs, chica

Cris disse...

A mensagem é belíssima, me fez chorar!
Quanto ao suposto autor, devidamente creditado, sim existem várias referências a ele na Internet, mas não sei se são verdadeiras. A foto na postagem é bem diferente deste blog, por exemplo (http://mundoesganado.blogspot.com.br), ou Facebook (https://www.facebook.com/prgaefke) ou G+ (https://plus.google.com/+PauloRobertoGaefke1/posts).

Alessandra Santos disse...

Olá!
Que linda mensagem Bruxinha!
Obrigada a compartilhar!
Quantos não são como esse homem, na esperança de encontrar um Anjo em forma de um menino e um Cachorro!
Lindo FDS amiga!
Um super bjo!

Alê - Bordados e Crochê
Fã Page

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida Márcia
Uma mensagem edificante que valoriza pequenos gestos que se tornam grandes pra muitas pessoas...
Bjm fraterno

Val disse...

Olá Bruxinha, o texto é emocionante e nos leva a refletir. É bem verdade que por vezes estamos tão absorvidos por problemas bobos que não damos o devido significado às pequenas coisas da vida, que nos fazem tanto bem.Tomamos por seguro termos água em casa, comida na mesa, uma cama quente para descansar à noite. Mas nos esquecemos que tanos sofrem, e como sofrem!Precisamos ser mais generosos, ter um novo e bondoso olhar sobre o próximo. E agradecermos. Sermos gratos pelo que temos. Beijos, obrigada pela partilha e um feliz fim de semana!

emanuel moura disse...

Bela mensagem ou melhor lição de vida que nos faz pensar que existem gestos que se tornam enormes com o passar do tempo ,que sejamos aquele que tudo pode transformar na vida de quem nada tem ,muitos beijinhos no coração.

Christiane Garcia disse...

Obrigada por compartilhar esse linda mensagem. É realmente emocionante, muito profunda! Te desejo um lindo fim de semana! Bjs

Ana Freire disse...

Que texto lindo e emocionante Márcia!
Adorei! Nem tenho palavras...
Grata por esta partilha maravilhosa!
Um beijo imenso!
Ana

Aproveitando ter net, vou espreitar as últimas coisas lindas, que deve ter por aqui...

Fátima Oliveira disse...

Oi Bruxinha!
Obrigada por compartilhar, é emocionante, uma prova de que em qualquer época da vida podemos aprender algo e mudar a nossa vida, nada acontece por acaso.
Beijos!

Amara Mourige disse...

Mensagem maravilhosa Márcia,fiquei emocionada!
Beijos feliz fim de semana.
Amara

Atelier Wesley Felício disse...

Nossa nem dá pra falar/escrever muito.. Tocante e mostra mais uma vez que o amor é chave e a resposta pra tudo.. BjoO grande e grato por compartilhar conosco!!

Att; Wesley Felício

Isa Sá disse...

Bonito texto. Bom fim de semana!

Isabel Sá
http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

Jeito Mineiro Bordados disse...

Lindo! Estou enviando para um amigo que precisa ler isto.
Um abraço e obrigada!
Egléa

Andrea Bitencourt disse...

Olá Márcia!
Que história mais linda, realmente toca o coração da gente!
Por vezes, esquecemos de agradecer o quanto a vida é boa com a gente...e momentos como esse, num pequeno instante, mudam tudo...
Obrigada por compartilhar conosco essa verdadeira lição de vida!
Beijos e ótimo final de semana pra ti! =)
www.deliciasdavodeo.com.br

Ivaneide Henrique disse...

Olá Márcia!!!

Segue o meu aplauso para seu lindo post. Fiquei muito emocionada em sentir nesse texto, tanta verdade. Pessoas que reclamam tanto que nem sentem que Deus está ao seu lado solicitndo atitudes cristãs.

Beijos e feliz domingo!

Obrigada!

Tiane disse...

Bah!!! Entrou um cisco no meu olho...!

Lulu on the sky disse...

Que texto lindo Bruxa!
Big Beijos
http://www.luluonthesky.com

Amara Mourige disse...

Olá Márcia, obrigada pela dica, acho que o blog está resolvido!
Beijos e feliz domingo!
Amara

Lucia x disse...

Bruxa,
Ele um excelente escritor. Numa postagem no Koisinhas Chiques citei um pensamento dele. Nao sei muito sobre a vida do escritor, mas encontrei diversos pensamentos pelo Google, escritos por ele. A postagem que fiz tem o nome de Frivolitando...
Agora, o texto eh maravilhoso e emocionante.
Ultimamente eh o que tenho fslado:- Vamos espelhar amor!
Bjs e um otimo domingo!

Lucinha disse...

Márcia,

Fiquei super emocionada. Que lição!
Nossa, essa foi demais. Já li textos profundos, mas esse, superou.
Abençoado dia! Beijos

Patrícia Pinna disse...

Bom dia,Bruxa.
Realmente emocionante tal texto que nos dá uma verdadeira lição de vida.
Reclamamos demais detudo,não temos espírito grato nas mínimas coisas e vamos nos perdendo em meio ao silêncio da nossa alma em rigidez.
Quando alguém especial, de alma iluminada entra em nossa vida e nos ensina que agradecer é bem melhor, mudamos o nosso foco de visão, o que favorece não somente a nós e a todos que estiverem ao nosso lado.
Belíssimo!
Tenha uma semana de paz.
Beijos na alma.

Elisabete disse...

Também gostei muito de ler este texto.
Que bom ter partilhado!
Bjs

Isadora disse...

Que lindo!!!!!

piteis da dinha disse...

Oi Márcia!
Lindo texto mesmo e por isso tb acho que merece ser compartilhado. Já compartilhei!
Amiga, obrigada pelo carinho no meu aniversário!
Bjss e uma semana abençoada p/vcs

Zilani Célia disse...

OI BRUXINHA!
UM TEXTO DE EMOCIONAR MESMO, PELA INTENSIDADE QUE TRÁS, SE A HISTÓRIA FOR VERDADEIRA, LINDO, SE NÃO FOR, TEM TODO O MÉRITO TAMBÉM, POIS NOS DÁ CONTA DE QUE TODOS NÓS,PROCURAMOS POR ALGO QUE É MAIOR QUE TUDO, O AMOR.
ABRÇS AMIGA
-http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Juliana Rosa disse...

Querida Bruxinha eu precisava ouvir esse poema. Porque muitas vezes me comporto assim e quero muito mudar isso em mim. Sobre Abalada do cárcere de Reading, vc pode pesquisar na net, foi de lá que tirei. Os versos que vc leu no meu blog acho que define muito nossa natureza. Bjos, um abração e uma feliz semana.

handmade by amalia disse...

Such a beautiful text.
Amalia
xo

Dorli Ramos disse...

Oi bruxinha,
Doeu até minha alma.
Cada um tem a sua estória
Beijos no coração
minicontista

Cristina Barbas disse...

Que história bonita!! Gostei muito...
Conheço uma outra história deste autor, chama-se A Formiga, igualmente bela...

Abraços, Cris

Andreia Morais disse...

Verdadeiramente emocionante!

r: É mesmo das melhores coisas :)
Muito obrigada*

M. disse...

Amiga, obrigada pela sua mensagem! Muitas vezes está demasiado bem habituados e melindramo-nos com pequenas coisas, falo por mim!
Beijinhos :)

Claudio Chamun disse...

História impressionante.
Muito legal.
Abraços.

Clemilde disse...

Hoje estou explorando um pouquinho sua Caverna. Lindo texto.