Translate

agosto 22, 2014

Semana Colorida dos Passarinhos


Os passarinhos pousaram mesmo no meu coração!
Tudo bem... sou amante declarada da natureza, mas ultimamente, sempre que posso, estou colocando esses serzinhos em minhas Poções.

E é por isso que quando vi que a Anne do blog A Menina Voadora escolheu esse tema para a Semana Colorida, não tive desculpas pra não participar, afinal essas Poções foram feitas antes do início da Copa e estavam aqui, na fila...

O Pássaro Cativo
de Olavo Bilac

Armas, num galho de árvore, o alçapão.
E, em breve, uma avezinha descuidada, batendo as asas cai na escravidão.

Dás-lhe então, por esplêndida morada, a gaiola dourada.
Dás-lhe alpiste, e água fresca, e ovos, e tudo.
Por que é que, tendo tudo, há de ficar o passarinho 
mudo, arrepiado e triste, sem cantar?
É que, criança, os pássaros não falam.
Só gorgeando a sua dor exalam, sem que os homens os possam entender.
Se os pássaros falassem, 
talvez os teus ouvidos escutassem este cativo pássaro dizer:

"Não quero o teu alpiste!

Gosto mais do alimento que procuro na mata livre em que a voar me viste.
Tenho água fresca num recanto escuro.

Da selva em que nasci; da mata entre os verdores,
tenho frutos e flores, sem precisar de ti!

Não quero a tua esplêndida gaiola!
Pois nenhuma riqueza me consola de haver perdido aquilo que perdi...
Prefiro o ninho humilde, construído de folhas secas, plácido, e escondido.
Entre os galhos das árvores amigas...
Solta-me ao vento e ao sol!
Com que direito à escravidão me obrigas?

Quero saudar as pompas do arrebol!
Quero, ao cair da tarde, entoar minhas tristíssimas cantigas!
Por que me prendes? Solta-me, covarde!
Deus me deu por gaiola a imensidade!
Não me roubes a minha liberdade...

QUERO VOAR! VOAR!..."

Estas coisas o pássaro diria, se pudesse falar.
E a tua alma, criança, tremeria, vendo tanta aflição.
E a tua mão, tremendo, lhe abriria a porta da prisão...


Amo de paixão esse poema e a oportunidade não podia ser melhor!
Aqui fica minha participação na Semana Colorida da Menina Voadora.

Mais Poções com Passarinhos:
* Caixa;

O Caldeirão está sempre cozinhando e logo mais aparecem outras...


57 comentários:

✿ chica disse...

Que texto tão lindo e teus trabalhos com passarinhos sempre o são! Também os adoro! bjs, lindo fim de semana! chica

Nanda disse...

Nossa, que poema mais lindo! Provavelmente essa seria mesmo a tradução do canto de um pássaro privado de sua liberdade por uma redoma. Lindas as imagens de trabalhos selecionados também. Belíssima tua participação.
Tenha um ótimo fim de semana, beijos!

Nanda Santos disse...

Adoro teu cantinho!!! Acompanho sempre pelo email...

Tem selinho pra você lá no meu blog. Dê uma passadinha lá para buscar
http://www.mulherartesanal.com.br/2014/08/selo-cracking-chrispmouse-bloggywog.html

Bjinhos

Bell disse...

oi Querida

Que participação mais fofa, todo passarinho quer voar e voar e ser livre.
Afinal a beleza é para se expandir não para ficar guardada.

Lindos seus trabalhos.

bjokas =)

Jô Turquezza disse...

Bruxa querida, me emocionei com seu poema ...
Meu irmão também coloca frutas e os pássaros são muitos no quintal.
Uma postagem belíssima.
As caixas? Perfeitas.
Seu blog é um dos que mais gosto.
Um finde ótimo para você.
joturquezzamundial
Beijos.

Alessandra Santos disse...

~Bom dia Bruxinha linda!!!!
Linda participação!!!!
Ótimo texto e seus trabalhos Maravilhosos!!!!
Lindo Fim de semana!!!!

Um super bjo!

Alê- Bordados e Crochê
Fã Page

Crocheteando...momentos! disse...

O poema é lindo e o trabalho maravilhoso!
Lancei-lhe um desafio que me foi sugerido pela Rosa!
Se quiser e puder...participe! bj amigo

Janaína Campos disse...

Bruxinha,
lindo texto e maravilhosos trabalhos, fontes de inspiração ;)
As estampas das caixas são feitas de papel para decoupage?
Beijos e um ótimo final de semana =)
A Casa da Mãe Jana

sisi sartor sisitricot disse...

Lindo texto e lindo trabalho, parabéns.
Adoro sentar embaixo de uma figueira e ficar observando a quantidade de seres que habitam ali, principalmente os pássaros.

Roselia Bezerra disse...

Olá, querida Márcia
Que fofura de poesia e tão bem escolhida para o tema da querida Anne!!
Foi um deleite pro espírito passar por aqui...
Bjm fraterno de paz e bem

Anne Lieri disse...

Que poema maravilhoso escolheu! E as imagens ficaram divinas tb. Agradeço sua participação e peço desculpas pela demora da visita! bjs e bom final de semana,

Simone Felic disse...

Brincando com a chica , versos e caixinha vc gosta mesmo de passarinhos , também adoro passarinhos pena que é tão dificil fotografa-los.
bjs e bom fim de semana.
http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

Simone Felic disse...

Acredita que olhei o desenho do selinho e pnsei que era da brincadeira da chica , õõõõõõõõõ
pra mim.
bjs
http://eueminhasplantinhas.blogspot.com.br/

Toninha Miranda disse...

Olá ! Eu te encontrei no blog da Tania (Fuxikitos) ,e já gostei.
Eu vi que vc é de São Paulo e sua irmã faz cachecóis no tear e gostaria de aprender outras coisas bem , eu quero te dizer que sou professora de tear manual vários tipos e também sou de São Paulo e se te interessar é só entrar em contato pelo email :toninha.lm@gmail.com , bjs e já estou te seguindo

Criando Artes Carla disse...

Oi querida, adorei o poema.
E seus trabalhos sempre perfeitos, parabéns.
Agradeço seu carinho.
Beijos e bom fds

Nyce Pinto. disse...

Belíssimo!!! Fico sempre imaginando, pensando... Se nós seres "humanos" que não temos "asas" adoramos "voar", imaginemos os alados que nasceram com asinhas e sabem nos presentear com as mais lindas sinfonias!!! Querida amiga, consegui resolver o "probleminha" no meu Blog, muito obrigada! Pode compartilhar a mensagens de lá, fique a vontade. Feliz final de semana! Alegria sempre! Abraços...

Pequeno Príncipe disse...

Que lindo amiga, adorei tudo, suas caixinhas são lindas e o texto também!Márcia, eu que escolhi o tema dos passarinhos para o BC da tia Anne!Adoro passarinhos!
beijinhos Pedrinho

Marcia Ruiz disse...

Que poema lindo!!!
E suas artes... apaixonei, ainda mais por esta tons de mar, rs.
Bom final de semana, bjs

Janaina Beserra disse...

Olá!

Que lindos trabalhos.Tudo com muito capricho.Adorei!
Abraços!

Zilani Célia disse...

OI BRUXINHA!
ADOREI ESTE TEXTO DE OLAVO BILAC.
ME DEU MUITA PENA DOS PASSARINHOS QUE SÃO ENGAIOLADOS POR PURA FALTA DE SENSIBILIDADE DE QUEM O FAZ.
OS TEUS PASSARINHOS ESTÃO LINDOS E TENHO CERTEZA QUE PODEM VOAR SEMPRE QUE QUISEREM, BASTA QUE A IMAGINAÇÃO ASSIM O QUEIRA.
ABRÇS AMIGA
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Dorli disse...

Oi Bruxa, desculpa a demora, é que não venho todos os dias no bloguinho.
Sua participação foi esplêndida, hoje tive uma participação no Lua Singular, depois fui me deitar a pressão subiu, estou com dor de cabeça até agora.
Amanhã eu participo da Semana colorida de Sapos da Anne.
Beijos no coração
Mundo dos Inocentes

Zilani Célia disse...

OI BRUXINHA!
VOLTEI, POIS A CANDY BRIGOU COMIGO POR NÃO TER DEIXADO AQUI OS LAMBEIJINHOS QUE TE MANDOU.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

FLAVIA SEABRA & LENINHA SEABRA disse...

Minha querida,
Maravilhoso poema!Imagino vc flutuando nestas belas palavras,seu
coração deve ter de indo de encontro
ao seu belo trabalho,parabéns!Um
ótimo e abençoado final de semana.
Obrigada pelo carinho!
Um super beijo

Elvira Carvalho disse...

É uma excelente participação. A mim sempre me afligiram as gaiolas sejam elas doiradas ou não. Penso que prender um pássaro é como proibir o homem de sonhar. A vida deixa de ter sentido.
Um abraço e bom fim de semana

Anna disse...

Essas caixas são um mimo !!!!!!
Beijocas e bom fim de semana !
Anna

Lilasesazuis Gata disse...

Olavo Bilac, nosso "princípe dos poetas brasileiro" soube descrever poeticamente o sentimento de uma ave aprisionada.

Simplesmente lindo!!

E seu trabalho, maravilhoso.

Adoro essas ilustrações vintage.

beijinhos, Bruxa, um ótimo final de semana,

Lígia e =^.^=

Algodão Tão Doce disse...

"Ontem foi embora.Amanha ainda não veio. Temos somente hoje, comecemos!!!Qualquer ato
de amor, por menor que seja, é um trabalho pela paz" (Madre Teresa de calcutá)
Um grande abraço, Marie.

Val disse...

Olá Bruxa,
O poema lindo, não poderia vir mais a propósito. As suas caixas estão perfeitas, découpage lindo e tons muito bem escolhidos. Bjss

Brisa Petala disse...

OI QUERIDA BRUXINHA
Amei a postagem e caixa com os passaros. Ficou lindinho." Que os sorrisos sejam eternos. Que os amores sejam reais. Que os sonhos sejam possíveis. Que a vontade de ficar seja maior que a vontade de ir. Que os dias sejam doces. Que a vida seja calma. Que a gente tenha paz. Que a felicidade nos alcance. Que a gente viva bem."
Wanderly Frot
Um bj
Ana

Pérola disse...

Tão lindo.

Me fascinou, as tuas imagens e palavras.

Beijinhos

Angélica D disse...

Que buena participación y lindo poema amiga querida! Sus trabajos siempre con tanto detalle hermoso

vendedor de ilusão disse...

Fabuloso!... Adorei seu blog! Dê-me a honra da visita; apesar de não tão belo quanto o seu, talvez goste.

Ane disse...

Adorei tudo de verdade! Seus trabalhos são lindos e o texto de Olavo Bilac é super atual! Deus deu asas aos passarinhos e as pessoas dão gaiolas...Inaceitável!Não podemos engaiolar quem nasceu para voar!Beijos nas bochechas!

Amara Mourige disse...

Olá Márcia, que belo trabalho! Lindos seus passarinhos e tua participação no BC da Anne!
A pergunta sobre as tampas pintadas com bolinhas,não fui eu que fiz, foi a minha irmã Arlete!
Uma pergunta você também faz plaquinhas?
Beijos
Amara

Carol M disse...

Lindo poema!
Eu tb adoro passarinhos.
Seus trabalhos são muito bonitos!

Bjinhos e tenha uma ótima semana!

Paula Lopes disse...

Amo pássaros em tudo! Achei demais suas artes, ficaram incríveis. Tenha uma semana abençoada, beijos!

Blog Paisagem de Janela
paisagemdejanela.blogspot.com.br

M. disse...

Bruxinha, que caixinhas mais lindas, que bom gosto!!!
Beijinhos, boa semana!

jana ferreira disse...

Ficou muito linda amiga..bjss
http://cantinhodajanaartes.blogspot.com.br/

Juliana Rosa disse...

Que poema lindo. E fala exatamente o que um passaro preso diria. Eu não gosto de ver passaros presos em gaiolas pois eles tem um olhar triste e seu canto parece um lamento. Vc é uma bruxinha amante da natureza. Essas bruxinhas são chamadas de amigas de natureza. Bjos e um abraço cheio de energia e muita magia bom.

Sofia disse...

Que lindo esse poema e combina tão bem com essas artes. Adorei os passarinhos, ficam sempre bem em qualquer arte e as caixinhas não foram excepção! Parabéns!
Beijinhos*

Lucimar da Silva Moreira disse...

Belíssima participação, os passarinhos são encantadores eles alegram a nossa vida, passando pra desejar uma ótima semana beijos.
Blog /Fan Page / Twitter /

Kitty Selios disse...

Muchas gracias por tu visita y comentario en mi blog.
Me gusta mucho la entrada, el mensaje y los hermosos pajaritos ... Toda una belleza!
Te mando saludos amiga desde España.

Luma Rosa disse...

Oi, Márcia!
Obrigada por compartilhar, o poema é mesmo muito lindo! Também não gosto de pássaros aprisionados, mas retratados em suas caixinhas ficaram perfeitos, como se elas guardassem muitos segredos e os pássaros ali estivessem apenas para nos distrair! (rs*)
Boa semana!!
Beijus,

Casa Gabi disse...

Oi bruxinha linda eu amo pássaros você nem imagina o quanto por mim eu destruiria todas as gaiolas do mundo acho uma tremenda crueldade prender a liberdade do bichinho. Lindas e fofas essas caixinhas eu amei a postagem. beijokas grandesss

Eliane disse...

Hum quanto passarinho bonito por aqui!!!!
Minha amiga tem uma tag pra vc la em casa passe por la, um beijo da Eliane.

Artes da Patti disse...

Lindooos seus trabalhos.Parabéns.!Boa Semana para vc.Bjos

Arlete Mourige disse...

Oi!!!Linda participação! Teus trabalhos estão lindos.Bjs

Rute disse...

lindo lindo lindo ;)

Ivaneide Henrique disse...

Bruxinha linda!!!!!!

Eu também amodoro pássaros..deixo aqui o meu abraço esmagador e bjs e de saudades de vc.

piteis da dinha disse...

Texto lindo e muito verdadeiro nas palavras. Realmente faz com que possamos ouvir o que os pássaros não falam.
Parabéns pelo post e pela caixa...
Bjsssssssssss

Pepi, Xixo, Juja, Jujuba disse...

Que magnífica participação, Bruxinha
Simplesmente amei!
Deixo um beijinho e o meu carinho
Verena e Bichinhos

Jussara Silva disse...

Oi Márcia.
O poema é lindo e as caixas estão maravilhosas. Um mimo estes passarinhos!
Linda semana pra vc. Bjos.

lenalima disse...

Amo pássaros, são uma paixão!
E as caixinhas estão arrasando!
bjss e boa semana!!!

LUCONI MARCIA MARIA disse...

Oi tua visita em minha casinha me trouxeram correndo para cá, fico muito feliz quando um novo amigo(a) aponta, que linda casa você tem, apaixonante, e tua participação maravilhosa, ANTES VIVER UNS MOMENTOS EM LIBERDADE DO QUE UMA VIDA EM APRISIONADO, BEIJOS Luconi

adelaide rodrigues disse...

Oi bruxinha, boa noite, ue coia mais linda esse poema, todos devem ser livres né,dmorei pra vim te visitar, mas vim viu......bjus e uma semana cheia de poções recheadas de amor e carinho.......

Marcia disse...

Márcia, filha amada de Deus,
Obrigada por passar no meu cantinho e deixar um recadinho carinhoso, como sempre você muito atenciosa. Amei estas caixas, lindas!!!
Enfim, depois de enrolar tanto, participo do projeto 1 por Mês, fiz a postagem citei o projeto, coloquei o banner, agora como faço daqui para frente? Venho aqui amanhã para buscar os links das participantes? Aguardo sua orientação,meu link luzartes.blogspot.com.br/2014/08/mini-tabua-de-passar-como-eu-fiz-minha.html.
Fique com Deus.

Zizi Santos disse...

Ultimamente estou passarinhando também. Vejo passarinhos em tudo!
suas caixas são sempre um presente aos olhos. Bem feitinhas, ornadas com fitas, um capricho só!
A poesia é muito linda, nos faz refletir!
Essa b.c tinha que ter tua participação! que foi muito bela!
dia desses comprei um papel para decoupagem de passarinhos. Na pressa nem percebi, que os passarinhos tinham os olhinhos tristes!!! Aiai!
Sobre a b.c de amanhã, não vou participar. Tenho trabalhinhos começados, mas as bijus tem me tomado todo o tempo! Peninha. Vamos deixar para o próximo, ok?
beijos
Zizi